Fantasmas do Passado

Ir em baixo

Fantasmas do Passado

Mensagem por Quellon Greyjoy em 27.09.17 13:14


Quellon Greyjoy


O retorno de Fidalporto foi bastante tranquilo, havíamos resolvido algumas questões com Lorde Botley e logo após houve um pequeno banquete. Junto a mim estavam Urrun e Germund Tawney meus guardas pessoais a frente e a nossa retaguarda havia uns vinte leias e bons soldados, contávamos piadas e entoávamos canções. Já escutaram a piada do Dornês e o Camelo? Deveria procurar saber.
O caminho para o Grande Forte estava quase terminando. Pus-me a pensar um pouco sobre minha família, acredito que certas coisas não ficaram explícitas. Enquanto cavalgava em retorno a fortaleza afundei-me em pensamentos. Lembrei-me de meu pai, Maron Greyjoy, irmão mais novo de Euron Greyjoy, Senhor das Ilhas de Ferro, eles possuíam uma excelente relação por isso meu tio o nomeou Alto Intendente da fortaleza, ou melhor dizendo, castelão. Meu pai teve dois filhos, Domeric Greyjoy, nascido quando meu pai ainda era jovem, e eu, quando nasci meu irmão já era adulto. Domeric era um mentiroso por natureza, língua afiada e ótimo com as garotas, os Nascidos de Ferro o veneravam. Após meu pai cometer suicídio, devido a fuga de minha mãe, fiquei sob os cuidados de Domeric. Deuses… ele era terrivél…  Alguns anos depois meu irmão morreu devido a uma terrível febre que atacou, Domeric foi casado com uma garota Harlaw, que havia lhe gerado um filho Harren Greyjoy. Eu tinha apenas doze anos quando passei a ser tutorado por meu tio Euron Greyjoy, junto a mim estavam Koude Pyke, o amado bastardo de meu tio e meu sobrinho de apenas seis anos de idade.
Três anos depois da morte de meu tio, Koude com o apoio de alguns lordes tomou para si as fortalezas da Casa Greyjoy, que por direito eram de meu sobrinho e depois convocou a Assembléia de Homens Livres para enfim declarar-se soberano das Ilhas de Ferro, ludibriados pelas promessas de Koude os homens o seguiram e quando pus em execução a rebelião contra Koude fui traído e perdi. Antes que eu fosse pego, me exilei das Ilhas de Ferro com alguns homens leais.
Quanto ao meu sobrinho, ouvi dizer que Koude amarrou seus braços e pernas e o lançou ao mar. Um ato de perfeita crueldade Harren era apenas um garoto. Assim que pensei nisso entristeci meu coração. Harren era mentiroso como pai, e mesmo sendo criança apresentava traços de malícia, contudo, era apenas uma criança sem família.

“M'Lorde!” - exclamou Germundo fazendo-me despertar dos pensamentos - “A fortaleza está logo ali”

A frente estava o Grande Forte, assentamento que remonta desde a época do Rei Cinzento, cuja minha casa tem o orgulho de ser descendente.
Estavam todos reunidos nos portões da fortaleza, e alguns com o rosto assutado, não entendi muito bem o peso das expressões.

“Bem-vindo de volta, M'Lorde, como foi a pequena viagem?” - adiantou-se Meister Richard
“Ótimo! Os Botley irão colaborar conosco. Por que estão todos com esses olhares assustados?” - disse olhando para o restante do conselho.

Eles se entreolharam nervosamente, porém, Dagon Harlaw, castelão de Pyke empurrou Sor Rodrick Goodbrother a frente.

“Acredito que há uma coisa que gostaria de ver” - adiantou Sor Rodrick, chefe da guarda.

***

Subi apressadamente as escadas do Grande Forte, não tinha a mínima idéia do que estava para acontecer. Talvez notícias de Porto Real, ou capturaram Koude, essa sim seria uma excelente notícia. Passamos pelo Grande Forte e entramos Forte Sangrento, quando entrei no salão principal, estava assentado no trono principal um garoto, deveria ter uns catorze ou quinze anos, cabelos negros escorridos, olhos negros, um sorriso sarcástico, e uma espada desembainhada, não vestia linhos nobres porém suas vestes eram predominatemente negras. Não reconheci o garoto.
O garoto levantou-se do trono principal e sorriu, aproximou-se de mim. E assim que o olhei nos olhos pude entender quem estava em minha frente. Não conseguia acreditar no que meus olhos viam.

“Eles tiveram a mesma reação!” - o garoto caiu na gargalhada - “Sentiu minha falta? Tio Quellon… Parece que viu um fantasma…”

Sim. Era Harren Greyjoy, meu sobrinho que supostamente estava morto. Mas como? Olhei para meus conselheiros e ordenei que se retirassem.

“Como estás vivo?”
- disse surpreso - “Todos acreditavam que estava morto… Disseram-me que…”
“… que fui arremessado da baia amordaçado? Sim. De fato ocorreu.” - disse o garoto com certa tranquilidade enquanto caminhava pelo salão.
“E como escapou? Por que não me procurou antes, poderíamos ter nos vingado de Koude?”
“O próprio Deus Afogado me libertou, quando acordei estava em Lannisporto, não me pergunte como.” - o pequeno mentiroso parecia falar a verdade - “Não foi apenas você que teve uma jornada, porém, encontrei com você, e vi muito bem do que é capaz…”
“Do que está falando garoto?” - cerrei os punhos - “Você só pode estar ficando louco?”
“Sei muito bem o que fez em Asshai. Como matou aquelas crianças. Pelo Kraken, Tio Quellon, não tente transparecer algo que você não é… Ilude esses homens de que é um homem correto, mas dentro de você há um monstro insano, louco para se libertar… assim como se libertou em Asshai…” - assim que disse as palavras meu peito se encheu de fúria. Quando me dei conta estava pressionando a garganta de Harren contra a parede.
“O que você quer de mim?” - perguntei ao garoto - “Aquilo foi um acidente”
“… Viu?! o sangue não mente… Assassinos sempre serão assassinos… como eles o chamavam mesmo?” - o garoto tentou rir mas estava quase azul de tanto que o pressionava… até que o soltei.

Sempre escondi de todos o que fiz enquanto estava exilado, fiz coisas terríveis e não orgulhava disso. Harren estava se recompondo de pôs e pé.

“Quero apenas o que é meu por direito. Minha pretensão é maior do que a sua. Sou o filho mais velho de seu irmão mais velho.”
- disse para Quellon
“Os rendimentos da Casa Greyjoy são seus por direito. Porém, o título de soberano das Ilhas de Ferro não. A Assembleia de Homens Livres me escolheu para liderá-los.” - disse com firmeza para Harren – "… e outra, você tem apenas quinze anos. Poderia te matar aqui mesmo e ninguém questionaria sua ausência”

O garoto me olhou assustado, talvez não esperasse que dissesse aquilo. Eu estava tentando mudar, ser justo e sensato. Contudo, as vezes os impulsos falavam mais alto.

“Farei de você meu herdeiro. Sabe manejar uma espada?”
- disse ao garoto
“Prefiro machados… Aceitarei ser o seu herdeiro…” - Harren parecia triste, talvez não imaginasse que eu seria tão agressivo.

Aproximei-me novamente dele e o abracei.

“Antes de Domeric morrer e ordenou que eu te protegesse. Perdoe-me por ter falhado tanto contigo. Não fui o tio que deveria ser.” - disse olhando nos olhos dele - “Só temos nos dois agora. Os últimos Greyjoys legítimos vivos. Vamos fazer valer a pena.”

Harren enxugou as lágrimas rapidamente, não era bom que um Nascido de Ferro demonstrasse sinal de fraqueza, contudo, ele era apenas uma criança. Mesmo sendo mentiroso e as vezes malicioso. Ele ainda era meu sobrinho e parte de minha família.

“Vamos sim, Tio Quellon, vamos fazer valer a pena.” - disse o garoto ainda se recompondo - “Espero que meus aposentos estejam intactos”
“Os servos providenciarão isso. Em breve farei algumas viagens e provavelmente deveremos escolher um lado na guerra.”- disse sério - “Espero poder contar contigo, sobrinho”
“Sim. Preciso apenas de um tempo para colocar a cabeça no lugar” - disse Harren
“E por curiosidade, por onde andou, e como sabia sobre Asshai?" - aquela conversa ainda me incomodava.
“Eu estava lá, não foi apenas você que teve uma jornada interessante… M'Lorde.” - disse e saiu do salão principal.
“O que está morto não pode morrer” - disse para mim mesmo.

Embora intrigado, estava feliz por Harren não estar morto, era como se fosse parte de mim. Uma parte que não foi arrancada. Enfim, era bom tê-lo por perto. Imaginei que meu pai e Domeric estariam feliz de me verem cuidando do garoto. Faltava muito ainda para pagar pelos meus erros perante o Deus Afogado. Iria esquecer o que se passou em Asshai.

HP: 450/550
ST: 450/500
_______________________________
avatar
Quellon Greyjoy
Lorde Greyjoy
Lorde Greyjoy

Casa : Greyjoy
Local de Nascimento : Pyke, Ilhas de Ferro
Masculino

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum